Limpeza urbana: Prefeitura de Macapá faz serviço de capina em ruas e praças da cidade

A Prefeitura de Macapá trabalha todos os dias da semana para manter a cidade sempre limpa. Os serviços são executados pela Secretaria Municipal de Zeladoria Urbana. Para entender a demanda, um cronograma de trabalhos é elaborado distribuindo as equipes e tipos de ações.

Dois pontos recebem os serviços nesta terça-feira, 7, são eles: Praça Eterna Aliança, no bairro Novo Horizonte; e a arena do bairro Muca. Estão ocorrendo as capinas manual e mecanizada, raspagem de meio-fio, retirada de lixeira viciada, pintura de postes e guias. De acordo com a Zeladoria, os trabalhos devem ser concluídos na próxima sexta-feira, 10.

“Estamos trabalhando para deixar a cidade mais limpa. Estamos vivendo uma pandemia, e manter ruas e logradouros públicos limpos é de extrema importância nesse momento. A população precisa colaborar, evitando despejar entulho em vias e manter os terrenos limpos”, disse o secretário de Zeladoria Urbana de Macapá, Carlos Alberto Oliveira.

A programação de atividades desta terça-feira também inclui limpeza permanente na Praça do bairro Novo Horizonte, Floriano Peixoto e entorno (pintura das guias e postes), poda de árvore na orla do bairro Santa Inês, remoção de lixo e capina no Cemitério São Francisco, manutenção do “Agora é Jardim” da Caesinha, limpeza da Rua Felipe Camarão, entre Jovino e Leopoldo Machado, e orla do balneário da Fazendinha.

A patrulha mecanizada será direcionada para a conclusão da retirada da lixeira viciada no bairro Pantanal e abertura de área e sepulturas no Cemitério São Francisco de Assis. “Todos os bairros de Macapá serão beneficiados com estas ações. O trabalho vem sendo desempenhado de forma prioritária nos locais em situação crítica”, concluiu o secretário.

Serviços oferecidos

A Zeladoria realiza diariamente os serviços de coleta seletiva; coleta de lixo domiciliar; varrição de ruas, mutirões de retirada de lixeiras viciadas, limpeza em feiras, praças e cemitérios. O morador que tiver dúvidas ou precise de informações sobre dias e horários dos trabalhos pode ligar para o número 98807-1187.

Secretaria de Comunicação de Macapá

Mônica Silva

Assessora de comunicação

Prefeitura de Macapá apresenta nova estrutura da feira da Avenida 13 de Setembro aos empreendedores

A Prefeitura de Macapá apresentou aos empreendedores (feirantes) a nova estrutura da feira da Avenida 13 de Setembro, no Buritizal. O novo espaço, mais amplo e que visa garantir um ambiente mais agradável aos clientes e a melhoria na condição de trabalho aos feirantes, terá aproximadamente 54 boxes para receber os feirantes. Será uma estrutura mais moderna, com um ambiente mais organizado, que irá receber as instalações de placas de energia solar e trabalhar a responsabilidade ambiental com energia renovável. A obra está sendo construída com recurso do Município.

“Esta é uma forma de garantir que esse empreendedor participe do processo de finalização da obra, bem como gerando neles o sentido de adaptação e pertencimento ao espaço”, disse a secretária municipal de Trabalho, Desenvolvimento Econômico e Inovação, Lidiane Pelaes. Com este período de isolamento social, as feiras fechadas funcionam das 6h às 18h, com revezamento, com 50% de ocupação dos boxes e controle de acesso. As feiras livres podem funcionar com a liberação de 30% dos feirantes, devendo haver escalonamento dos boxes, com autorização para abrir diariamente, espaçamento entre boxes, um box ocupado intercalado com dois livres.

A população também pode denunciar locais com aglomeração de pessoas ou estabelecimentos funcionando em desacordo às medidas restritivas, por meio do contato 0800 031 9606, Disk 3 (das 8h à 1h).

Secretaria de Comunicação de Macapá

Cliver Campos

Assessor de comunicação

Contatos: 98126-0880 / 99175-8550

Profissionais da Educação de Macapá dão início à formação para uso de recursos digitais em sala de aula

Professores da rede municipal de ensino iniciaram nesta segunda-feira, 6, o curso “Incorporar as TICs no Planejamento Didático”. A atividade, que é promovida em parceria com a Fundação Telefônica Vivo, tem 362 profissionais da educação inscritos, que, de forma voluntária, decidiram aproveitar o período de férias para investir em conhecimento.

A formação é destinada a todo servidor atuante na rede pública de ensino municipal e compõe o nível intermediário do Percurso Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), visando fornecer aos participantes subsídios para que eles experimentem recursos digitais com os estudantes, reunindo conhecimento tecnológico, pedagógico e curricular. “O uso da tecnologia na educação, com recursos em sala de aula, pode estimular a criatividade, o raciocínio lógico, a colaboração, a capacidade de pesquisa e outras competências importantes para desenvolver as habilidades de professores e alunos”, comentou a secretária de Educação, Sandra Casimiro.

O curso é autoformativo e acontece 100% online, com carga horária de 20 horas. Para acessar o conteúdo, os participantes devem acessar o endereço eletrônico www.escolasconectadas.org.br e realizar o login.

ProFuturo

É um programa global de educação da Fundação Telefônica Vivo e da Fundação Bancária da Caixa, que incentiva a formação à distância e o compartilhamento de conhecimento entre educadores por meio da plataforma Escolas Conectadas – um projeto que oferece cursos online de formação continuada, totalmente gratuitos, para professores da educação básica.

Secretaria de Comunicação de Macapá

Jamile Moreira

Assessora de comunicação

Cidade limpa: Prefeitura de Macapá faz mutirão para remoção de lixeiras viciadas

Fotos: Cleito Souza

A falta de conscientização de algumas pessoas tem feito com que as lixeiras viciadas se proliferem pelas vias e logradouros públicos. Diante do problema, a Prefeitura de Macapá intensifica as ações de limpeza. Após ter identificado vários pontos, a Secretaria Municipal de Zeladoria Urbana deu início a um mutirão de limpeza para fazer a remoção, limpeza e a reabilitação dessas lixeiras viciadas, na manhã desta segunda-feira, 6.

Na Rua Hugo Alves Pinto, no bairro Perpétuo Socorro, foram retiradas mais de 30 toneladas de lixo, entre sofá velho, carcaça de geladeira, máquina de lavar, lixo domiciliar e muito caroço de açaí, cenário que também se repetiu na Rua Projetada, bairro Cidade Nova, onde ocorreu a remoção de 10 toneladas de resíduos. No canal do Jandiá (remoção em andamento), a estimativa é a retirada de 30 a 40 toneladas de lixo.

“A prefeitura tem cumprido regularmente o calendário de limpeza da cidade, principalmente no que diz respeito à remoção de lixeiras. Entretanto, nosso trabalho fica comprometido quando a própria comunidade não zela pela limpeza. A população precisa colaborar, não jogando e não permitindo o descarte de resíduos de maneira irregular”, explicou Augusto Lustosa, coordenador da ação.

A remoção de lixeiras viciadas acontecerá em mais da metade dos bairros de Macapá. Além de causar impactos no meio ambiente, também prejudica a saúde das pessoas, afetando diretamente o nível de qualidade de vida da população. A prefeitura faz a sua parte e estimula a sociedade a cuidar de seus espaços, promovendo campanhas educativas e limpando a cidade.

“Se cada um fizer a sua parte, Macapá, certamente, se tornará mais limpa e ainda mais agradável para se viver. Preservar o meio ambiente e contribuir para manutenção da limpeza pública é dever de todo cidadão”, pontuou o secretário municipal de Zeladoria Urbana, Carlos Alberto Oliveira.

Ações de limpeza pública

Com ações diárias, a Secretaria Municipal de Zeladoria Urbana realiza serviços de coleta domiciliar, varrição, capinação, remoção mecanizada, jardinagem, conscientização, coleta seletiva, corte e poda, e limpeza de canais. Jogar lixo em via pública é considerado infração grave, de acordo com a Lei Orgânica n° 054/2008 do Município de Macapá, Artigo 44, onde prevê multa de até R$ 1,5 mil, além de processos nas esferas penal (Delegacia de Meio Ambiente) e/ou judicial. A Zeladoria dispõe do número 99970 1078 para denúncias.

Secretaria de Comunicação de Macapá

Mônica Silva

Assessora de comunicação

Prefeitura de Macapá apoia iniciativa gastronômica Festival Brasil Sabor Delivery

Fotos: Max Renê

O prefeito de Macapá, Clécio Luís, participou no último sábado, 4, da Live Aula Show Culinária Tucuju, da 15ª edição do Festival Brasil Sabor, programação que iniciou dia 28 de junho e segue até 12 de julho, com entrega delivery pelo aplicativo do evento. O festival é um projeto realizado pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) no Amapá e do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com o apoio da Prefeitura de Macapá.

Na Live, o prefeito participou do painel com a temática “Retomada segura das atividades econômicas”, junto com a presidente do SindEventos, Célia Brasão. Destacou a importância da gastronomia para a economia, que é reconhecida por turistas e especialistas da área. “Esse momento é uma forma de reconhecimento para esse setor, que é a nossa culinária, que encanta a todos que visitam o Amapá e nos dá orgulho, que não deve nada a ninguém”, disse.

Clécio pediu a quem assistia e toda a sociedade em geral para não relaxar com os cuidados contra o Coronavírus, pois a pandemia não passou. Disse que Macapá está dando passos ao novo normal, mas respeitando os indicadores de saúde. “Se tudo caminhar da forma como está se mostrando, nas próximas fases de reabertura o setor gastronômico poderá está inserido de forma presencial. Desde o início da quarentena, já trabalham com delivery, e na primeira fase de reabertura das atividades econômicas, funcionam também com drive-thru ou na portaria do estabelecimento [take-away]”, explicou.

Célia Brasão disse entender o momento que passamos e que espera que a pandemia passe logo. Que o setor possa a voltar a funcionar. “Nós queremos comemorar, mas com saúde e bem, com segurança e alegria”, ressaltou. “Tivemos mais de 700 visualizações no aplicativo em menos de uma semana. Cerca de 5,8 mil usuários cadastrados e 5,3 mil pedidos já realizados nestes dias de festival, o que mostra que está sendo um sucesso essa nossa adequação da 15ª edição, mesmo em período de pandemia”, informou a presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes no Amapá, Yukio Nagano.

O presidente da Abrasel/AP ressaltou que o aplicativo irá continuar mesmo depois do festival, com os pratos de degustação. “Estamos trabalhando para atingir futuramente toda o setor turístico. Além do gastronômico, servirá para guias de turismo, artesãos, ceramistas, produtos culturais, entre outros que formam a cadeia do turismo”, pontuou.

A Live Aula Show “Culinária Tucuju” contou com a participação das chefs de cozinha Floraci Dias e Paula Geovanna, que prepararam arroz de pato com tucupi e jambu, e teve a parte musical do cantor Mauro Cotta. A próxima Live será dia 11 de julho (sábado), com o tema “Pop-Rock”, com Aula Show “Gastronomia Contemporânea”, tendo a participação dos chefs de cozinha Orazio Catanni e Rafael Salviano. A atração musical será da banda Yes Banana.

Secretaria de Comunicação de Macapá

Pérola Pedrosa

Assessora de comunicação

Prefeitura de Macapá participa de audiência virtual com Câmara de Vereadores e aborda “Educação em tempos de pandemia”

A secretária de Educação de Macapá, Sandra Casimiro, participou de audiência virtual com a Câmara de Vereadores para falar sobre a educação municipal em tempos de pandemia, acompanhamento e a assistência aos alunos que a secretaria vem fazendo durante o período de isolamento social. O encontro ocorreu nesta quinta-feira, 2.

Sandra fez a apresentação das ações que vêm sendo desenvolvidas pelo Município desde que as aulas precisaram ser suspensas, como a criação da plataforma “Escola Com Você” para a disponibilização de atividades não presenciais, impressão de 35 mil atividades, entrega de livros didáticos, revitalização e adaptações das unidades escolares.

“Importante esclarecer que não temos um período definido para a retomada das aulas presenciais. O que temos é um protocolo que trata de vários eixos como a revitalização e a organização do ambiente escolar, aquisição de termômetros, materiais de limpeza e de higiene, e do acolhimento aos profissionais, pais e alunos, para uma possível retomada, mas que só acontecerá com o aval das autoridades de saúde e atendendo todas as recomendações sanitárias”, explicou a secretária Sandra Casimiro.

Também foi abordado o suporte pedagógico especializado aos pais que apresentam dificuldade para acompanhar os conteúdos. “Tivemos a preocupação de atender às peculiaridades da educação infantil, de jovens e adultos, especializada. Por isso, oferecemos o apoio pedagógico aos pais, além de disponibilizar o envio de atividades àqueles que não conseguiam buscar, com a intenção de não deixar nossos alunos sem conteúdo”, comentou Casimiro.

A vereadora Bruna Guimarães, autora do requerimento que pediu a participação da gestora, agradeceu pelos esclarecimentos prestados. “É muito importante quando um gestor atende os nossos pedidos, pois, dessa forma, promovemos a integração entre os poderes e a comunidade, além de sanar dúvidas que podem ser comuns”.

Secretaria de Comunicação de Macapá

Jamile Moreira

Assessora de comunicação

Covid-19: campanha educativa orienta população sobre descarte correto de lixo doméstico, entulho e outros resíduos durante pandemia

A Prefeitura de Macapá manteve e intensificou os serviços de limpeza na capital durante a pandemia. Para garantir que a cidade continue limpa, uma campanha educativa está sendo desenvolvida com o objetivo de orientar a população sobre a importância de manter as ruas limpas.

Na manhã desta sexta-feira, 3, equipes da Secretaria Municipal de Zeladoria Urbana estiveram nas ruas Hamilton Silva e Tiradentes, Av. Feliciano Coelho e adjacentes conversando com os moradores sobre o descarte correto de lixo doméstico, entulho e outros resíduos durante a pandemia.

“A Zeladoria trabalha diariamente no combate ao acúmulo de lixo nesses pontos, com uma fiscalização mais intensa e orientação aos moradores. Fizemos um levantamento na cidade e identificamos várias lixeiras ‘viciadas’, a maioria em canteiros. É necessário que a população tenha consciência da importância de fazer o despejo de resíduos nos coletores”, disse o secretário municipal de Zeladoria Urbana, Carlos Alberto Oliveira.

O lixo doméstico deve ser descartado somente no dia e horário determinados para a passagem do caminhão em cada bairro e não pode ser colocado em cima das calçadas (passeio público, sem estar acondicionado de forma correta em sacolas plásticas). A mesma disposição é para o descarte de entulho, que não pode ser colocado em calçadas.

Outro detalhe importante é com a limpeza de quintais. O entulho retirado deve ser acondicionado de forma correta, preferencialmente em sacolas plásticas, como forma de contribuir com o trabalho dos coletores, e, principalmente, contribuir com a limpeza da cidade.

Quanto aos resíduos de construção civil, são de responsabilidade do proprietário da obra e devem ser acomodados em contêineres específicos contratados pelo proprietário ou empresa responsável pela execução da construção particular, cadastrada na Zeladoria.

“Os moradores devem colocar o lixo domiciliar em lixeiras ou utilizar os contêineres disponíveis em vários bairros do município, para que os caminhões possam fazer a coleta sem deixar cair resíduo no chão. Nossa campanha visa uma cidade mais limpa, sempre. Para que isso aconteça, todos devem ter compromisso com isso”, finalizou o secretário.

Paralelo a campanha educativa, a Prefeitura de Macapá faz serviços de capinas manual e mecanizada, remoção de lixeiras viciadas e pintura de meio-fio. Para denúncias sobre despejo irregular do lixo, foi disponibilizado o número 99970-1078.

Secretaria de Comunicação de Macapá

Mônica Silva

Assessora de comunicação

Nota de pesar

Foi com pesar que recebi nesta sexta-feira, 3 de julho, a notícia do falecimento de Raimundo Carlos Gomes Sadala, aos 74 anos, vítima de Covid-19. Carlos exercia suas atividades como auditor fiscal na Secretaria Municipal de Finanças, onde completaria 22 anos de serviço público. Grande profissional, que desempenhava com maestria e comprometimento sua função.

Carlito, como era carinhosamente conhecido, teve muitos irmãos, entre eles o prefeito do município de Santana, Ofirney Sadala e a deputada federal Leda Sadala. Responsável, dedicado e justo, assim Raimundo Sadala é lembrado por nós. Ele deixa esposa, filhos e netos.

Eu e toda nossa equipe da Prefeitura de Macapá nos solidarizamos com familiares e amigos, e estendemos nossas sinceras condolências. Que Deus, em sua infinita misericórdia, conforte seus corações, amenizando toda dor e sofrimento.

Clécio Luís 

Prefeito de Macapá

Comunicado – Interdição de vias em Macapá

A Companhia de Trânsito e Transportes de Macapá informa que as ruas Hildemar Maia, entre as avenidas 13 de Setembro até Antônio Coelho de Carvalho; e Rua Santos Dumont, entre o trecho da Avenida Antônio Coelho de Carvalho até Clodóvio Coelho, localizadas nos bairros Santa Rita e Buritizal, estão interditadas para as obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Mobilidade até a data prevista de 20 de julho.

Segundo a Secretaria de Obras de Macapá, a liberação dos trechos será da seguinte forma: Rua Hildemar Maia, no trecho entre 13 de Setembro e Feliciano Coelho – dia 4 de julho; Rua Hildemar Maia, no trecho entre Avenida Feliciano Coelho e Avenida Henrique Galúcio – dia 9 de julho; e Rua Santos Dumont, no trecho entre Avenida Antônio Coelho de Carvalho e Avenida Clodóvio Coelho, as obras ocorrerão até 20 de julho. Após essa fase, será feito o cronograma de asfaltamento das vias.

A CTMac pede aos condutores de veículos automotores, ciclistas e pedestres que redobrem a atenção ao transitarem próximo aos trechos das vias citadas. A autarquia também reforça o pedido de que, no período de pandemia, o fluxo desnecessário de trânsito nas ruas e avenidas da capital deve ser evitado para que não ocorram aglomerações e a proliferação da Covid-19, respeitando o Decreto Municipal n° 2.051/2020, que instituiu até 15 de julho o rodízio de veículos nas ruas de Macapá.

Companhia de Trânsito e Transportes de Macapá

Prefeitura de Macapá adquire kits de brinquedos e utensílios para unidades de ensino

Fotos: Cleito Souza

A Secretaria Municipal de Educação fez a compra de kits de brinquedos pedagógicos e utensílios para serem distribuídos às escolas municipais de educação infantil e fundamental. Os brinquedos ajudarão a estimular a criatividade das crianças, instrumentalizando melhor o processo de aprendizagem e serão ferramentas aos professores e auxiliares.

Serão distribuídos 3 mil equipamentos entre 28 unidades escolares, que receberão itens como panelas, copos, tatames, colchonetes, brinquedos como bolas, bambolês, corda, jogo da memória e blocos de encaixe. A compra dos itens foi realizada com recurso do Programa Brasil Carinhoso e Plano de Ações Articuladas. “Os brinquedos também podem auxiliar no desenvolvimento da ludicidade, imaginação, criatividade autonomia e capacidade de organização de ideias, sendo um grande instrumento de trabalho, principalmente na educação infantil”, comentou a secretária de Educação, Sandra Casimiro.

A aquisição de equipamentos e brinquedos de qualidade somam no ambiente escolar, valorizando o aprendizado, deixando o espaço mais alegre e prazeroso, indicando à criança que a escola é ambiente de aprendizagem prazeroso e acolhedor, contribuindo assim para o aprendizado delas.

Secretaria de Comunicação de Macapá

Jamile Moreira

Assessora de comunicação