Guarda Municipal de Macapá intensifica monitoramento de praças e residenciais

Ligado . Publicado em Noticias

A Guarda Civil Municipal de Macapá (GCMM) intensificou as ações de fiscalização com o objetivo de reprimir o vandalismo e a prática de crimes nos logradouros e residenciais da cidade. A atividade iniciou na Praça Floriano Peixoto. No primeiro dia, conseguiu desmantelar uma prática que vem sendo utilizada nas redes sociais para convocar usuários de drogas para encontros marcados previamente sob o pretexto de discussão da liberação da maconha.

 

O movimento, instaurado pelo grupo autodenominado Maio Verde, vinha divulgando nas redes sociais um convite, de apologia ao uso da maconha. Com base no Artigo 33 da Lei Antidrogas, é crime induzir, instigar ou ajudar alguém a consumir substâncias proibidas. O movimento utilizou-se de bandeiras, banners eletrônicos e panfletos, deixando as autoridades de sobreaviso entre o que é debate e o que é incentivo ao uso.

 

Em parceria com as polícias Militar e Civil, a Guarda Municipal possui autonomia para apreender, no momento do flagrante, suspeitos de práticas ilícitas, e, após verificação de passagens pela polícia ou mandados de prisão, encaminhá-los ao órgão policial competente. Somente na Floriano foi utilizado um efetivo de vinte homens, com apoio da Polícia Militar, e apreendidos entorpecentes como maconha e cocaína.

 

De acordo com o inspetor da GCMM, Helielson Barbosa, o encontro que, segundo declaração do líder do movimento, seria para uma roda de discussão, é suspeito de servir de pano de fundo para a prática de crimes, já que acaba sendo um chamariz para traficantes comercializarem o produto. O sistema de monitoramento das redes sociais forneceu os dados para que a Guarda Municipal, agindo conjuntamente com as polícias Civil e Militar, identificasse e apreendesse o líder do movimento.

 

Para o subcomandante da Guarda, inspetor Rui Secco, as ações de caráter permanente têm o objetivo de atuar na esfera municipal fazendo a prevenção, fiscalização e o monitoramento em conjunto com as outras instituições, buscando, principalmente, um resultado mais efetivo na segurança pública, prevenindo delitos e detectando pontos em que a criminalidade ainda é maior.

 

“Nossas ações serão periódicas e essa operação a qual demos início vem como uma resposta aos infratores que se utilizam da internet para conclamar a prática de delitos e, principalmente, a população. É papel da Guarda Municipal monitorar 24 horas esses locais”, concluiu o inspetor Rui Secco.

 

Ruth Helena Carrera

Assessora de comunicação/GCMM

 

UK betting sites, view full information www.gbetting.co.uk bookamkers