• Portal de Informações sobre Corona Vírus em Macapá
  • Coações para auxilio no combate ao COVID-19

Prefeitura de Macapá monitora 87 casos notificados de Coronavírus

Ligado . Publicado em Noticias

O Município de Macapá passa a monitorar 87 casos notificados de Coronavírus. Destes, 49 apresentaram resultado negativo para Covid-19, um resultado positivo e 37 pessoas ainda aguardam resultado do exame, que é processado pelo Instituto Evandro Chagas. Todos esses casos foram atendidos nas Unidades Básicas de Saúde Lélio Silva, Marcelo Candia e Rubim Aronovitch, no período de 13 de março até as 8h deste sábado, 21.

Os pacientes, após avaliação clínica e coleta de exame, foram liberados para isolamento domiciliar por apresentar sintomas brandos, recebendo kits de máscaras e recomendações sobre cuidados básicos. Além disso, os pacientes são monitorados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica diariamente quanto à evolução clínica.

 

O único caso positivo é de uma mulher de 36 anos, com histórico de viagem e contato com caso suspeito, que procurou atendimento no Lélio Silva dia 17 de março. A mulher apresenta sintomas brandos e está recebendo acompanhamento da equipe de saúde.

 

Ao Município cabe o primeiro atendimento e avaliação de casos suspeitos com sintomas da doença em todas as Unidades Básicas de Saúde, de acordo com o fluxo de acolhimento definido pela Secretaria Municipal de Saúde. O protocolo trata das providências a serem tomadas quando pacientes suspeitos da síndrome respiratória buscarem atendimento em uma unidade do Município.

 

A prefeitura também realiza a coleta de amostras biológicas dos pacientes para a realização do exame, que diagnostica a doença. A coleta é feita nas unidades Lélio Silva e Marcelo Cândia e, posteriormente, enviadas ao Laboratório Central de Saúde Pública do Estado, que tem a responsabilidade de fazer o envio das amostras para o laboratório de referência da Região Norte, que é o instituto Evandro Chagas, no Pará.

 

Quando devo procurar uma UBS

 

A população pode buscar os serviços nas UBS’s quando apresentar os sintomas iniciais do vírus, como febre, tosse, dor de garganta e coriza e dificuldade respiratória para receber uma avaliação. Se após o procedimento o profissional entender que o quadro se encaixa em uma suspeita, ele realizará os procedimentos previstos no fluxograma de atendimento adotado pela saúde municipal.

 

Dicas de prevenção e orientações

 

• Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, ou usar álcool em gel quando a primeira opção não for possível;

 

• Evitar tocar nos olhos, nariz e boca;

 

• Ficar em casa quando estiver doente;

 

• Usar um lenço de papel para cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar, e descartá-lo no lixo após o uso;

 

• Evitar aglomerações;

 

• Pessoas que estiverem voltando de locais com grande transmissão devem fazer auto isolamento por sete dias;

 

• Não compartilhar copos, talheres e objetos de uso pessoal;

 

• Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência;

 

• Manter ambientes bem ventilados e higienizar as mãos após tossir ou espirrar;

 

• Abrir portas e janelas com frequência para a circulação de ar;

 

• Higienizar fechaduras, portas e corrimão de escadas.

 

Jamile Moreira

Assessora de comunicação/Saúde

 

UK betting sites, view full information www.gbetting.co.uk bookamkers