Edital para I Congresso Científico Macapá Rumo aos 300 Anos é lançado pela Prefeitura de Macapá

Ligado . Publicado em Noticias

Já parou para pensar como Macapá será em 2058? A prefeitura sim! E é com esta meta que a gestão municipal abriu nesta terça-feira, 11, as inscrições de trabalhos científicos para o I Congresso Macapá Rumo aos 300 Anos. O evento, realizado em parceria com a Universidade do Estado do Amapá (Ueap) e Universidade Federal do Amapá (Unifap), tem o objetivo de coletar e divulgar estudos de vários temas no âmbito do município de Macapá que possam contribuir na construção da Macapá a curto, longo e médio prazo dentro do Projeto Macapá 300 Anos.

As inscrições podem ser feitas pelo endereço eletrônico http://300anos.macapa.br/congresso/ até o dia 26 de março. O congresso acontecerá nos dias 20, 21 e 22 de maio. Pesquisadores, acadêmicos, professores que queiram divulgar seus estudos, pesquisas, publicações, trabalhos de conclusão de curso de graduação e especialização, dissertação de mestrado, tese de doutorado ou pós-doutorado, em formato de artigo científico, terão a oportunidade de apresentar seus trabalhos.

 

A primeira edição do Congresso Macapá 300 Anos está dividida em quatro eixos temáticos: Gestão e Finanças Públicas Municipais, Desenvolvimento Humano e Social da Cidade, Desenvolvimento Econômico de Macapá de Agora e para o Futuro e o Desenvolvimento Ambiental e Urbano.

 

Para o prefeito Clécio Luís, as intuições de pesquisa e ensino são fundamentais para essa construção rumo aos 300 anos. “Essas instituições de ensino, pesquisas, universidades são fundamentais, porque são nelas que os pensamentos são construídos, consolidados, para trabalhar efetivamente por dentro da plataforma. E interessa a todos nós, muito especialmente a prefeitura, porque organizará as informações gerando dados, estratégias de desenvolvimento da cidade para trabalhar, mas interessa também as faculdades e universidades, que poderão discutir dentro dos cursos que oferecem temas centrais de uma realidade presente, que é vida na cidade de Macapá e como ela vai se desenvolver. É um exercício de planejamento que envolve toda a sociedade”, concluiu.

 

O secretário municipal de Planejamento, Paulo Mendes, disse que congresso científico tem a pretensão de reunir informações da capital, como era ontem, como está hoje e como se quer Macapá para amanhã, no futuro. “Os trabalhos serão apresentados e, como consequência, teremos os anais desse evento publicado de cada grupo temático. Poderemos conhecer o que está se pesquisando sobre Macapá, o que se fala da capital, aí vamos poder condessar em um único material com a grande sacada, irão ser livros que serão editados com ISBN, DOI, para que esses pesquisadores somem pontos positivos e possam  colocar no Lattes”, explicou Mendes.

 

“É muito bom ver os sonhos saírem do papel, é uma sensação maravilhosa poder ver os trabalhos dos alunos rompendo os muros da universidade. Sonhamos juntos com a prefeitura este momento do edital, do congresso, e estamos consolidando hoje”, declarou a vice-reitora da Universidade Federal do Amapá, Simone Leal.

 

Participaram do evento secretários municipais, vereador Nelson Souza, diretor do Ceap, José Cláudio, estudantes e pesquisadores.

 

Macapá 300 anos

 

O projeto pensa em uma cidade mobilizadora, capaz de dialogar com os seus moradores, com o objetivo de propor soluções conjuntas que gerem responsabilidades coletivas. Desta forma, preservar a sua identidade cultural; transformar a cidade em um lugar inteligente, aliando tecnologia, inovação e sustentabilidade a uma economia dinâmica a partir de suas potencialidades.

 

Lilian Monteiro

Assessora de comunicação/PMM

 

Fotos: Max Renê

 

UK betting sites, view full information www.gbetting.co.uk bookamkers