Reunião técnica define realização de campanha contra a influenza

Escrito por Jamile Moreira Ligado . Publicado em Noticias

Técnicos e coordenadores da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) participaram nesta quarta-feira, 13, de reunião para a realização da 21ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, causador da gripe, que acontecerá no período de 10 de abril a 31 de maio. O Município deve receber cerca de 90 mil doses para imunizar as pessoas que compõem os grupos prioritários, que, como nos anos anteriores, serão atendidos de acordo com o cronograma específico para cada grupo.

Os primeiros a receber a vacina serão as crianças e gestantes, que terão de 15 a 19 de abril para procurar uma unidade de saúde. A novidade para este ano é o aumento da faixa etária de crianças que devem ser imunizadas. Agora, crianças de seis meses a menores de seis anos passam a ter direito a vacina. “Nos anos anteriores, somente de seis meses a menores de cinco poderiam fazer a vacinação. O Ministério da Saúde ampliou a faixa etária, contemplando crianças menores de seis anos [5 anos, 11 meses e 29 dias], que, além da vacina contra a influenza, também passarão por uma atualização de caderneta”, reforça a coordenadora de Imunização, Jorsette Cantuária. 

 

Também fazem parte do grupo prioritário puérperas, portadores de doenças crônicas, indivíduos imunossuprimidos, como pacientes com câncer que fazem quimioterapia e radioterapia; portadores de trissomias, como as síndromes de Down, trabalhador de saúde, povos indígenas, indivíduos com 60 anos ou mais, professores de escolas públicas e privadas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.

 

Os profissionais de saúde, no ato da vacinação, devem apresentar a carteira profissional ou a declaração do órgão em que trabalha. Já os portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais deverão apresentar documentos como laudo médico, receita, carteirinhas dos programas de saúde, prescrição médica ou outro documento que comprove a sua condição clínica para receber a vacina.

 

Jamile Moreira

Assessora de comunicação/Semsa

UK betting sites, view full information www.gbetting.co.uk bookamkers