Saúde: prefeito Clécio empossa novos servidores pedindo espírito público para bom atendimento à população

Escrito por Adryany Magalhães Ligado . Publicado em Noticias

A noite de quinta-feira, 28, foi histórica para a Prefeitura de Macapá. Depois de 14 anos sem concurso público, o prefeito Clécio Luís empossou mais de 360 novos servidores aprovados no certame de 2018 para a área da saúde. Uma noite onde sonhos se realizaram, promessas foram cumpridas, mas, principalmente, de muita emoção.

Foram ofertadas vagas para chamada imediata. Estas foram divididas em 31 cargos de níveis médio, superior e áreas técnicas. O promotor da Saúde, André Araújo, ressaltou que a posse é o cumprimento de algo que havia sido acordado. “Hoje, o prefeito cumpre sua palavra como era esperado. Também sou fruto de concurso público e tenho certeza de que não tivemos uma recepção como essa. A prefeitura está de parabéns”, destacou.

 

Os salários bases da área da Saúde vão de R$ 1.014,00 a R$ 4 mil para os cargos de médico (várias especialidades); assistente social, biomédico; cirurgião dentista; endodontista; enfermeiro; engenheiro sanitarista; farmacêutico; fisioterapeuta; fonoaudiólogo; nutricionista; psicólogo; terapeuta ocupacional; administrador hospitalar; administrador; técnico em enfermagem; técnico em saúde bucal; técnico em laboratório; técnico em nutrição; agente comunitário de saúde e agente de combate a endemias. 

 

“Tenho quase certeza de que a minha emoção é igual a de cada uma de vocês. Há 29 anos eu me formei, quatro meses depois fui empossada no serviço público, mas foi de uma forma totalmente diferente do momento que estamos vivendo hoje. Apenas recebi um papel dizendo onde eu seria lotada, e hoje vejo o quanto uma boa recepção faz a diferença”, lembrou a secretária de Saúde, Silvana Vedovelli.

 

O certame foi feito pela Fundação Carlos Chagas, onde foram reservadas aos candidatos negros 20% das vagas existentes e das que vierem a surgir durante o prazo de validade do concurso, para cada um dos cargos oferecidos, de acordo com a Lei nº 2302/2018, lei esta criada na gestão do prefeito Clécio Luís, atendendo assim a Legislação Federal. Ao todo, foram inscritos 37.301 candidatos. Destes, 9 mil se declararam negros e 173 com alguma deficiência. 

 

O secretário Carlos Michel Miranda agradeceu a equipe da Secretaria de Administração pelo esforço para chegar nesse momento da posse. “Há 14 anos a prefeitura não fazia concurso público e a nossa angustia só aumentava nos últimos anos. Mas tínhamos que fazer algo com responsabilidade. E é por isso que estamos aqui”, ressaltou.

 

Clécio Luís fez questão de fazer o juramento de posse, para ressaltar aquilo que ele mais almeja: que cada servidor venha com espírito público para fazer um bom atendimento, para olhar nos olhos das pessoas e, principalmente, para dar um bom dia, boa tarde e boa noite aos que visitam às unidades de saúde. Em seu discurso, ele relembrou todos os momentos que passou até chegar a posse. 

 

“Quando assumi, imaginei que iria fazer concurso público no primeiro ano de mandato. Até cheguei a lançar edital e fui impedido pela procuradoria. Seis anos se passaram e hoje consegui cumprir o que prometi. Mas chego aqui garantindo a cada um de vocês que os salários dos senhores estão garantidos no orçamento, até o fim do ano. Sei que muita gente quer que a gente chame mais concursados e faremos isso, mas com responsabilidade para não comprometer o salário e os investimentos que estamos fazendo no Município”, discursou o prefeito.

 

Participaram também da solenidade o vereador Rinaldo Martins, o deputado estadual Paulo Lemos e o deputado federal Luiz Carlos.  

 

Adryany Magalhães 

Assessora de comunicação/PMM

 

Fotos: Nayana Magalhães / Gabriel Flores

UK betting sites, view full information www.gbetting.co.uk bookamkers