Combate ao Aedes: no bairro Brasil Novo ação encerra com três mil imóveis vistoriados

Ligado . Publicado em Noticias

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) executou nos dias 5, 6 e 7 de dezembro mais uma etapa de combate ao Aedes aegypti no Brasil Novo, zona norte de Macapá, apontado pelo último LIRAa como bairro de médio risco para infestação do mosquito. Durante esse período, 3.178 imóveis foram vistoriados pela equipe de agentes de endemias que, além de identificar e eliminar possíveis criadouros, orientou moradores quanto às medidas preventivas de combate ao Aedes.

 

Ao todo, 80 profissionais participaram da atividade. De acordo com o coordenador do Programa Municipal de Combate à Dengue, Kilder Vidal, uma das dificuldades dos agentes é em relação à negativa de alguns moradores em permitir que a equipe faça a verificação de seus quintais, bem como os imóveis fechados e caixas d’água destampadas.

 

“Essa foi a quarta ação desenvolvida durante o ano no bairro, e a nossa principal dificuldade ainda é o número de imóveis fechados e a negativa de alguns moradores em permitir a presença dos nossos agentes. Nesses três dias encontramos muitas caixas d’água destampadas e acúmulo de lixo, que é algo que nos preocupa muito com a proximidade do período de chuvas, uma vez que o acúmulo de água pode aumentar a proliferação do Aedes”, pontuou o coordenador Kilder Vidal. 

 

Nos 74 quarteirões visitados, 351 imóveis estavam fechados, dois proprietários se recusaram a receber a equipe e em 18 imóveis foram utilizados larvicidas para tratamento de criadouros; 2.530 depósitos, como garrafas PETs e sacos plásticos, foram eliminados por apresentarem risco de se transformarem em criadouros do mosquito.

 

Jamile Moreira/Asscom Semsa

UK betting sites, view full information www.gbetting.co.uk bookamkers