Alunos do Japiim participam de aula de gastronomia francesa

Escrito por Pérola Pedrosa Ligado . Publicado em Noticias

Bon appétit!! Com a saudação francesa, alunos do projeto Japiim da Escola Municipal Neuzona (anexo no bairro Zerão) botaram a mão na massa para fazer uma Salade Niçoise. De ingrediente a ingrediente, crianças aprendiam a se comunicar em francês na aula de gastronomia, realizada na segunda-feira, 6.

 

A aula contou também com degustação de queijos, frutas e salada. Tudo preparado pelos alunos e pela professora Rosana Mendes, que ministra o curso de francês para os alunos do projeto. A aula de gastronomia faz parte da metodologia de ensino para as crianças, buscando despertar o interesse delas. “Sempre trabalhamos a parte prática para ajudar elas no aprendizado da língua, contamos com colaboradores que nos ajudam com material, com disposição de tempo, entre outros”.

 

O deputado Paulo Lemos, um dos colaboradores do projeto, relatou aos alunos que recentemente esteve em Caiena e sentiu a necessidade de falar outra língua. Ele incentivou as crianças a apostarem nesse conhecimento para suas vidas. “Estamos cada vez mais interligados com o mundo, e vocês precisam estar preparadas para isso. Projetos como esse e o trabalho dos educadores em buscar formas criativas e inovadoras para fazer as crianças a aprenderem devem ser incentivados”, destacou. O projeto também conta com a colaboração dos secretários municipais Paulo Mendes e Evandro Milhomem.

 

A estudante Caroline Silva, 11 anos, que estuda na Escola Neuzona, esteve ausente algumas aulas por estar doente, retornou ao projeto e gostou muito da aula gastronômica. “Gosto muito das aulas, a professora Rosana é muito legal. Estou falando algumas palavras em francês, faço espanhol também. Quero ser poliglota e falar várias línguas”.

 

A subsecretária de Educação, Sandra Casemiro, destacou que o projeto é realizado pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), existe há mais de 11 anos e já atendeu mais de 8 mil crianças. “O Japiim foi elaborado pela Divisão de Recursos Didáticos (Dired) e conta com professores dedicados, como a professora Rosana, que ensina línguas estrangeiras, além de passar um pouco da cultura de outros países”, ressaltou.

 

O projeto é para estudantes das escolas onde são desenvolvidas as aulas e para crianças que moram no entorno da instituição de ensino. São oficinas de língua inglesa, francesa e espanhola para crianças e adolescentes de 9 a 13 anos. Este ano, além da Escola Municipal Neuzona, o Japiim também está sendo executado nas escolas Meu Cantinho do Amor (no bairro Perpétuo Socorro) e Antonio Barbosa (Santa Rita).

 

Pérola Pedrosa

 

Assessora de comunicação/Semed

 

UK betting sites, view full information www.gbetting.co.uk bookamkers